terça-feira, 30 de dezembro de 2014

NADA MAIS QUE UMA NOITE


.................................................................................................................................................


Nada mais que uma noite

Nicolas Hagen é um engenheiro atraente e bem sucedido que ama a vida noturna. Sua relação com as mulheres se resume a passar apenas uma noite com elas e as abandonar, lhes deixando algo em troca. Para ele todas são iguais: interessadas, insensíveis e manipuladoras. Lavínia é uma mulher de beleza invejável, simples e pura em sua alma. Uma costureira de classe baixa, que luta por sair adiante de um ambiente hostil. Seu passado a pôs em um lugar onde entregar-se a um homem se torna quase impossível. Seu presente está regido pela resignação, a aceitação e a perseverança. Alguma deusa obrará entre esses dois mundos, entrelaçando ambas as vidas. Lavínia será uma presa a mais de Nick, quem não poderá resistir seus impulsos de seduzi-la e passar nada mais que uma noite com ela. Uma noite em que a verdade e a inocência transformarão suas almas para sempre. Entretanto, o destino jogará de novo suas cartas: o passado para Nick tem forma de feridas, e figura de mulher. O vermelho será sua essência. O sexo e a perversidade, sua armadilha

Nenhum comentário:

Postar um comentário